Oplit realiza ações e detém acusados em Maceió

presos oplit
Dupla detida (Fotos: Ascom-PC)

A Operação Policial Litorânea Integrada (Oplit) realizou nesta sexta-feira (25), várias ações nos bairros da Capital com propósito de combater diversas irregularidades e delitos em Maceió.

Durante os trabalhos, a equipe prendeu em flagrante uma mulher que estava comercializando drogas no bairro da Ponta Verde. Trata-se de Janiede da Silva Santos, que foi localizada com tabletes de maconha, que estavam sendo vendidos a um casal.

Segundo a policial civil Luciene Araújo, coordenadora Adjunta da Oplit, ela foi detida com três tabletes da droga e o casal com uma outra porção que foi adquirida a ela, pelo valor de R$ 5,00. “Janiede foi presa, e contra o jovem que estava adquirindo o entorpecente identificado como Cláudio do Prado Rodrigues, foi realizado um Termo Circunstanciado de Ocorrência (TCO), em seu desfavor por uso de drogas”, disse Luciene.

Após ter sido detida, ela foi conduzida a Central de Flagrantes, onde foi autuada, e após consultas no Sistema de Informações Policiais, foi constatado que ela responde criminalmente por injúria racial.

Atendendo ao chamado da população, os policiais se conduziram ao bairro Ponta da Terra, e detiveram um proprietário de um establecimento comercial, identificado como Givaldo Teixeira dos Santos, que se encontrava com o volume elevado de aparelhos de som.

Durante a ação o equipamento sonoro foi apreendido e um TCO foi realizado pela perturbação do sossego alheio.

No bairro do Prado, no Povoado Ouricuri a equipe da Oplit fez uma revista no jovem Lucas Félix dos Santos, e apreendeu com o mesmo uma pequena quantidade de drogas. “Lucas já responde criminalmente por roubo de celular e receptação de veículos roubados, diante da situação realizamos um TCO”, concluiu a coordenadora Adjunta da Oplit.

oplit1
Equipamentos de som, drogas e dinheiro apreendidos

Ascom/PC

(Visited 57 times, 1 visits today)